Abuso- 5 coisas que descobri


Hoje vou falar sobre várias formas de abuso.

Quando falamos de abuso, normalmente, associamos ao abuso sexual.

O que descobri foi que este tipo de situações podem acontecer de várias formas.

E que afetam a sua vida de forma invisível.

Fique comigo neste artigo que eu vou revelar algo que pode ser surpreendente para si. E um divisor de águas na sua vida.

O que é o abuso?

É uma energia que está presente em todos os seres humanos e até animais. Em maior ou menor grau.

Segundo o dicionário Priberam considera-se abuso como mau uso de algo, ou de alguém. Desmando, desregramento. Ter relações sexuais sem consentimento da outra parte.Poder abusivo, autoridade abusiva.

Seja o ato que for que viole o livre arbítrio de outro ser humano ou animal é considerado um abuso.

No dicionário Michaelis fala também sobre como é considerada uma ação de uso excessivo, injusto, indevido, impróprio de algo ou de alguém.

Eu hoje vou revelar 5 coisas que descobri que talvez você nunca tenha identificado como abuso e que estão a limitar a sua vida.

1 — Abusando o Financeiro

Falta de dinheiro é um auto abuso. É uma forma de punição, inconsciente, bloqueando o fluxo da energia do dinheiro.

Muita da energia que é libertada através de técnicas energéticas transformacionais que libertam de bloqueios financeiros são sentimentos de culpa, entre outros, sobre dinheiro.

De cada vez que você fala que não tem dinheiro ou que não é capaz, não é suficiente, entre outros julgamentos é um auto abuso.

Toda sensação ilusória de incapacidade perante a energia do dinheiro, você e a vida é um auto abuso.

Porque a pessoa que fala isso, na realidade, está a dizer uma mentira a si mesmo.

Todos nós temos capacidades, muitas vezes adormecidas, de estar em sintonia com dinheiro, saúde e criação de vida.

Uma das formas de controle é ficar sem dinheiro ou diminuir o seu fluxo. Isso paralisa a sua vida.

Repete ações abusivas consigo que já foram cometidas por outros no passado. Sem perceber.

Isso acontece porque os nossos neurónios copiam comportamentos de outros. Nomeadamente progenitores desde a infância.

Então, você pode ter 50 anos e continua a agir em relação a si mesmo como agiam consigo em criança, sem perceber.

Falta de dinheiro impede de andar em frente no que deseja ter ou realizar para criar abundância e uma vida melhor.

Criar dívidas também é uma forma autoabusiva financeira.

Assim como ficar dependente financeiramente de outras pessoas.

Pode parecer estranho que se faça isso. Mas fique comigo que vou ajudar a ter mais claridade.

Programações mentais limitantes oriundas das palavras abusivas que ouviu desde a infância levam a que acredite que é inferior aquilo que realmente é relacionado com criar dinheiro ou outro tema.

E aqui vamos para a segunda revelação.

2 — Abusos emocionais

Esta é uma das formas mais comuns. É o sistema emocional que tudo comanda e cria na vida junto com o sistema de crenças. E o pensamento.

Situações de agressão emocional vivem-se desde a infância. No que ouviu que não estava em alinhamento com o respeito por si mesmo, amorosidade, compreensão.

Apesar de acreditar que tudo isso faz parte do passado, ao estar mais presente e analisar a sua vida poderá perceber até como acontecem situações de abuso na sua vida.

De diversas formas.

Cujas causas são profundas e mostram que o padrão do que acontecia no passado se repete num ciclo infinito de dor e controle de diversas formas.

Algo muito comum é o hábito de queixa constante sobre a vida e a vitimização de todo o que acontece.

Esse abuso emocional acontece como forma de controle. Para que o abusador se sinta com poder sobre o outro. E o abusado se sinta inferior ao que de facto é.

Sobre este ponto tenho uma revelação especial mais adiante. Por isso fique comigo.

Como se não pudesse tomar as rédeas. E transformar a energia em algo que seja contribuição. Para criar mais oportunidades de vida.

Violência Psicológica

Está dentro do abuso emocional. Muitas das suas consequências são depressão e diversas doenças físicas. Insucesso escolar ou profissional.

Sensação de falta de potência, dependência de outro financeiro ou emocional.

Dificuldades financeiras, pois, a sua energia e crenças sobre si não estão alinhados com o fluir da energia do dinheiro.

3 — Atitudes abusivas na área sexual

Acontece dentro e fora de um casamento.

Ato sexual sem que haja consentimento de uma das partes envolvidas.

Alguns das suas consequências são: viver em stress constante e insegurança perante o sexo oposto. Dificuldade em voltar a ter relacionamento amoroso.

Bloqueios financeiros e profissionais de diversas formas. Doenças físicas e psicológicas diversas.

Um facto sobre o passado

Uma vez que a mente não reconhece o que é futuro, presente ou passado, a pessoa abusada esconde, como defesa, o incidente ocorrido. Faz uma vida aparentemente normal.

E, em certos momentos, disparam os gatilhos emocionais que são uma forma de defesa que a sua mente acredite que precisa disso para se defender de um passado que já não existe.

Mais adiante revelo mais sobre este aspecto.

4 — Abusos físicos

Agredir intencionalmente uma pessoa. Pode causar dor e lesões visíveis ou não. Para além da dor emocional que causa.

É também uma forma de poder abusivo. Seja entre pessoas desconhecidas, familiares, cônjuges, pais e filhos.

Para muitas pessoas pode doer mais o abuso emocional que o físico.

Porém, ambos os tipos de abuso, deixam marcas energéticas diferentes de pessoa para pessoa.

Conforme a sua reação emocional e o apego interno à situação que sofreu.

1 — Bullying

É uma forma de comportamento agressivo para com outras pessoas. Com intenção de controle de poder, diminuir o outro.

Também o Cyberbullying ou, bullying visual, pode incluir o uso indevido de perfis, ou conteúdo para atemorizar alguém.

Ou prejudicar a sua imagem social.

Adjetivos e palavras impróprias dirigidas a alguém com intenção de diminuir outro.

Muito frequente nas escolas em que tanto sofrem alunos como professores.

Conheci casos de estudantes ou professores que nem conseguiam ir para a escola e reviver os traumas e bullying todos os dias.

Porém, ao se isolar, também continuam a viver os traumas instalados no subconsciente que continua alerta.

A vida fica afetada com a sensação de insegurança constante e baixa autoestima e amor próprio.

Abusos da parte de familiares podem ocorrer, segundo casos que conheci.

Pessoas que sofrem com bullying chegam a sofrer de abuso familiar ao serem acusadas de terem a “culpa” de terem passado por esses abusos.

A pessoa culpa-se e pune-se inconscientemente.

Na realidade culpar outra pessoa, ou a si mesmo, seja pelo que for ou dirigir palavras que diminuam as suas capacidades é uma forma de abuso.

É uma das maiores causas de insucesso escolar e profissional.

A falta de apoio e amorosidade, a solidão, a sensação de falta de compreensão leva a diversos desvios de comportamento e até ao suicídio.

abuso

A extraordinária revelação sobre o seu poder interno

Importa libertar da energia de abuso para que o abusado seja livre.

E tome consciência de que se foi atacado é porque tem muito mais poder do que pensa.

Pessoas com grandes capacidades de criação de vida e com um propósito elevado passam, muitas vezes, por agressões diversas.

A mente continua a reviver o abuso, vezes sem conta, de forma consciente e inconsciente o que faz a abusada ou abusado refém dessa energia.

Porém, pode libertar-se através de técnicas energéticas suaves que vão restaurar o seu poder e amor próprio.

No caminho da claridade e da libertação

Fala-se tanto de liberdade e poder interior. Porque é uma realidade que você pode alcançar.

Porém, com tantas camadas densas na vida que se carrega, a verdade é que maioria das pessoas ainda nem conseguem sentir a verdadeira liberdade e potência interior.

Viver no Agora. Livre do passado de abuso que tem carregado.

Embora a mente racional procure esconder, a verdade é que a energia do abuso continua a viver dentro de si.

Procura esconder a verdade porque a dor foi muita. O medo de sofrer de novo impede da libertação que pode ser mais suave e fácil do que pensa.

E se permitisse libertar-se para vivenciar o seu poder e passar a estar no espaço da criação da vida que deseja?

Uma crença sabotadora que o prende ao abuso

Uma crença que impede a sua libertação mais fácil é que de precisa disso para aprender algo, ou para que não se descuide e passe pelo mesmo.

Então como a mente não distingue o que é real agora e o que não é contínua a reviver o trauma.

Continua a carregar o peso. A negá-lo como se isso pudesse realizar algum tipo de libertação.

Age com comportamentos defensivos sem perceber.

Acredita que vive em perigo.

Mas esse perigo já não é real.

O que acontece ao libertar-se

Na realidade ao libertar-se dessa energia sai da vibração pesada do abuso e passa a estar em sintonia com energias de amor e poder mais elevado.

Atrai novas oportunidades de vida, novos relacionamentos.

Reconhece o seu poder interior para fazer face a tudo o que apareça pelo caminho da vida.

Libertar o seu coração

O seu coração ficou preso no medo.

E o medo atrai tudo o que não deseja.

Programações mentais limitantes, oriundas da situação de abuso, fazem com que tenha falta de saúde e dinheiro que, como referi acima.

Age de forma inconsciente, pois acha que fez algo de errado que levou àquela situação. Você não tem culpa.

A revelação sobre o impacto

Quantos abusos sofremos ao longo da vida?

Quantas marcas que se tornaram visíveis que fazem com que o corpo fique doente?

Com o impacto dessa energia abusadora na memória celular.

E chega a hora que não você não aguenta mais.

Então a doença manifesta-se e o corpo fala a pedir ajuda.

E a conta bancária também.

Fala mais alto e pede pela sua libertação para salvar a sua vida.

Libertação essa que só você pode ouvir e oferecer a si mesma.

Manter a energia do abuso fingindo que já não existe é outra forma de falta de amor próprio. Outra forma de auto abuso.

E se pudesse parar para se ouvir e abraçar recursos energéticos. Que a libertam dessa condição?

Há técnicas energéticas que chegam até nós precisamente com a frequência que vai permitir a libertar da energia pesada do abuso.

Tudo é energia. Não importa o nome que lhe dê.

Seja o nome da doença, do problema financeiro. Tudo é energia.

Uma frequência suave e amorosa pode transmutar a energia do abuso levando a que se liberte e viva uma vida de elevada energia e amor incondicional.

Alegria e paz interior. Mais autoconfiança, amor próprio e prosperidade.

Em breve falarei mais sobre este tema.

Gostou deste artigo?

Comente em baixo que formas de abuso você identificou que afetam a sua vida?

Partilhe para levar luz a outras pessoas também. Ativando a sua libertação e ampliando a sua abundância.

Grata por estar aqui e volte sempre.


Sobre mim | Website

Olá.No caso de ser novo/a por aqui permita-me apresentar-me. Sou a Cristina Teixeira. Sou Formadora profissional de EFT- Técnicas de Libertação Emocional e de outras técnicas Energéticas ( em breve disponíveis) A minha missão é ajudar pessoas que querem seguir o chamado do seu coração, sentirem-se realizadas e valorizadas a fazer o que amam.Espero que goste, comente e compartilhe os meus posts. Seja sempre bem vindo/a.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!